Gênesis 33

Neste capítulo fala do encontro de Esaú e Jacó e da chegada de Jacó chega a Siquém.

Capítulos:

O encontro de Esaú e Jacó

1 E levantando Jacó seus olhos, olhou, e eis que vinha Esaú, e os quatrocentos homens com ele: então repartiu ele os filhos entre Lia e Raquel e as duas servas.

2 E pôs as servas e seus filhos adiante; logo a Lia e a seus filhos; e a Raquel e a José os últimos.

3 E ele passou diante deles, e inclinou-se à terra sete vezes, até que chegou a seu irmão.

4 E Esaú correu a seu encontro, e abraçou-lhe, e lançou-se sobre seu pescoço, e o beijou; e choraram.

5 E levantou seus olhos, e viu as mulheres e os filhos, e disse: Quem são estes que estão contigo? E ele respondeu: São os filhos que Deus deu a teu servo.

6 E se chegaram as servas, elas e seus meninos, e inclinaram-se.

7 E chegou-se Lia com seus filhos, e inclinaram-se: e depois chegou José e Raquel, e também se inclinaram.

8 E ele disse: Qual é a tua intenção com todos estes grupos que encontrei? E ele respondeu: Achar favor aos olhos de meu senhor.

9 E disse Esaú: Tenho o bastante, meu irmão; seja para ti o que é teu.

10 E disse Jacó: Não, eu te rogo, se achei agora favor em teus olhos, toma meu presente de minha mão, pois vi teu rosto como se houvesse visto o rosto de Deus; e me aceitaste.

11 Toma, eu te rogo, minha dádiva que te é trazida; porque Deus me fez misericórdia, e tudo o que há aqui é meu. E insistiu com ele, e tomou-a.

12 E disse: Anda, e vamos; e eu irei adiante de ti.

13 E ele lhe disse: Meu senhor sabe que os meninos são tenros, e que tenho ovelhas e vacas de cria; e se as cansam, em um dia morrerão todas as ovelhas.

14 Passe agora meu senhor diante de seu servo, e eu me irei pouco a pouco ao passo do gado que vai adiante de mim, e à passagem dos meninos, até que chegue a meu senhor a Seir.

15 E Esaú disse: Deixarei agora contigo da gente que vem comigo. E ele disse: Para que isto? ache eu favor aos olhos de meu senhor.

16 Assim se voltou Esaú aquele dia por seu caminho a Seir.

17 E Jacó se partiu a Sucote, e edificou ali casa para si, e fez abrigos para seu gado; por isso chamou o nome daquele lugar Sucote.

Jacó chega a Siquém

18 E veio Jacó são à cidade de Siquém, que está na terra de Canaã, quando vinha de Padã-Arã; e acampou diante da cidade.

19 E comprou uma parte do campo, onde estendeu sua tenda, da mão dos filhos de Hamor, pai de Siquém, por cem peças de moeda.

20 E erigiu ali um altar, e chamou-lhe: Deus, o Deus de Israel.


Introdução ao Livro de Gênesis capítulo 33:

Neste capítulo, encontramos Esaú encontrando Jacó de maneira amigável, contrariando seus medos e expectativas, tendo colocado sua família em ordem no caso do pior, fazendo perguntas a Jacó sobre as mulheres e crianças com ele, que prestam homenagem a ele como Jacó havia feito antes, e sobre a manada que ele conheceu, que foi um presente para ele, e que ele recusou a princípio, mas na urgência de Jacó aceitou, propondo viajar com ele, ao que Jacó quis ser dispensado, ele, com as mulheres, crianças e rebanhos, não podendo acompanhá-lo, e para deixar alguns de seus homens com ele para guardá-lo, o que Jacó julgou desnecessário, sobre o qual eles se separaram amigável, e o capítulo é concluído com um relato da jornada de Jacó, primeiro para Sucote, depois para Salém, onde ele armou sua tenda, comprou um campo e construiu um altar. Por: John Gill's.

Nenhum comentário:

Postar um comentário